Notícias

Confira os 20 SUVs mais vendidos em maio de 2024

Com crescimento na reta final do mês, o Volkswagen T-Cross terminou maio na liderança, ficando à frente do Nissan Kicks, que ficou em segundo, e do Hyundai Creta, que ficou em terceiro

O mês de maio foi marcado por uma intensa disputa pela liderança dos SUVs mais vendidos, entre o Volkswagen T-Cross, o Nissan Kicks e o Hyundai Creta. Esses modelos se revezaram na primeira posição ao longo do mês. No entanto, no final, o SUV da marca alemã, o Volkswagen T-Cross, destacou-se. Ele não apenas ultrapassou o Kicks, mas também abriu uma vantagem de 591 unidades.

Contudo, o setor automobilístico foi afetado pelos impactos da tragédia no Rio Grande do Sul, resultando em uma queda de 12,02% em maio em comparação com abril. Apesar dessa queda, durante todo o mês de maio foram emplacados 194,3 mil carros e comerciais leves. No acumulado do ano, já foram emplacadas mais de 929,5 mil unidades.

Confira os 20 SUVs mais vendidos em maio de 2024
Foto: Reprodução/Nissan Saga Brasília ÁGuas Claras

O Volkswagen T-Cross terminou na liderança no mercado automotivo nacional entre os SUVs mais vendidos, com 6.501 unidades emplacadas, o que representa um crescimento de 4,5% em comparação ao mês de abril, quando foram vendidas 6.224 unidades. Em segundo lugar, encontra-se o Nissan Kicks, com 5.910 unidades comercializadas, registrando um aumento expressivo de 29% em relação ao mês anterior.

Já na terceira posição, está o Hyundai Creta, que dominou o segmento durante praticamente todo o mês, totalizando 5.739 unidades vendidas. Este número reflete um aumento de 7,6% em relação ao mês anterior.

Confira a lista dos 20 SUVs mais vendidos em maio de 2024

Abaixo, apresentamos os 20 SUVs mais vendidos no Brasil em maio de 2024, conforme os dados da Fenabrave:

  1. Volkswagen T-Cross: 6.501 unidades
  2. Nissan Kicks: 5.910 unidades
  3. Hyundai Creta: 5.739 unidades
  4. Chevrolet Tracker: 4.613 unidades
  5. Toyota Corolla Cross: 4.565 unidades
  6. Volkswagen Nivus: 4.546 unidades
  7. Jeep Renegade: 4.173 unidades
  8. Honda HR-V: 3.660 unidades
  9. Fiat Fastback: 3.589 unidades
  10. Jeep Compass: 3.282 unidades
  11. Fiat Pulse: 3.084 unidades
  12. Chevrolet Spin: 2.529 unidades
  13. Caoa Chery Tiggo 5X: 2.446 unidades
  14. Caoa Chery Tiggo 7: 1.694 unidades
  15. BYD Song Plus: 1.560 unidades
  16. GWM Haval H6: 1.438 unidades
  17. Volkswagen Taos: 1.235 unidades
  18. Renault Kardian: 1.203 unidades
  19. Renault Duster: 1.189 unidades
  20. Jeep Commander: 1.176 unidades

Principais características dos 5 SUVs mais vendidos

Volkswagen T-Cross

O Volkswagen T-Cross vem com duas opções de motorização. Nas versões de entrada, encontramos o Motor 200 TSI, com uma potência máxima de 128 cv (gasolina) e 116 cv (etanol) a 5.500 rpm. Além disso, apresenta um torque máximo de 20,4 kgf.m entre 2.000 e 3.500 rpm, atingindo velocidades máximas de 187 km/h (gasolina) e 182 km/h (etanol), com uma transmissão automática de 6 velocidades.

Já na versão topo de linha Highline do Volkswagen T-Cross, debaixo do capô está o motor 1.4 TSI, que entrega uma potência máxima de 150 cv a 5.000 rpm e um torque máximo de 25,5 kgf.m a 1.400 rpm. Esta configuração permite ao veículo alcançar velocidades máximas de 204 km/h (gasolina) e 202 km/h (etanol), também com uma transmissão automática de 6 velocidades.

Nissan Kicks

O Nissan Kicks é equipado com um motor 1.6 L, que oferece uma potência máxima de 113 cv a 5.600 rpm. Além disso, possui um torque máximo de 15,3 kgf.m a 4.000 rpm. Com essas especificações, o veículo atinge uma velocidade máxima de 175 km/h. Para complementar seu desempenho, o Nissan Kicks conta com uma transmissão XTRONIC CVT de 6 velocidades, que inclui a função Sport.

Em relação á equipamentos, o Nissan Kicks possui uma Multimídia Nissan Connect com display touchscreen colorido de 8″, 2 portas USB (Tipo A e tipo C) Bluetooth, Apple CarPlay e Android Auto, sistema premium de som BOSE Personal Plus com 8 alto-falantes (2 no sistema BOSE Personal Space + 2 tweeters), airbags duplos frontais, airbags laterais e de cortina, Visão 360° inteligente, controle de tração e cstabilidade – (VDC – Vehicle Dynamic Control), painel multifuncional em HD de 7″ e ar-condicionado automático digital, entre outros.

Hyundai Creta

O Hyundai Creta disponibiliza uma variedade de opções de motores em sua mecânica. Para começar, na versão básica, a Action 1.6 AT, é equipado com um motor 1.6, que fornece 130 cv de potência e 16,5 kgf.m.

Hyundai Creta Platinum Safety 2025
Foto: Divulgação/Grand Brasil Hyundai Guarulhos

Seguindo adiante, nas versões intermediárias, está o motor 1.0 turbo GDI. Este motor é capaz de produzir 120 cv de potência e 17,5 kgf.m de torque, trabalhando em conjunto com uma transmissão automática de seis marchas.

Por último, nas versões premium, como a Ultimate 2.0 AT e a N Line Night Edition 2.0 AT, o motor destacado é o 2.0 aspirado, entregando 167 cv e um torque de 20,6 kgf.m. Assim como nas outras versões, essas também vêm com transmissão automática de seis marchas.

Chevrolet Tracker

O Chevrolet Tracker 2025 vem com duas opções de motor turbo. Nas versões AT 1.0 Turbo, LT 1.0 Turbo e LTZ 1.0 Turbo, debaixo do capô, encontramos o Motor: 1.0 Turbo Flex. Com três cilindros em linha, 12 válvulas e uma cilindrada de 999 cm³, este modelo entrega uma potência máxima de 116 cv (E) e 116 cv (G) a 5.500 rpm, com torque máximo de 16.8 kgf.m (E) e 16.3 kgf.m (G) a 2.000 rpm. Alcança uma velocidade máxima de 198 km/h e possui uma transmissão automática de 6 velocidades, com a opção de troca manual.

De acordo com dados fornecidos pelo Inmetro, o Chevrolet Tracker, equipado com esse conjunto, registra índices de consumo de combustível de 8.2 km/l (etanol) e 11.9 km/l (gasolina) em condições de condução urbana. Em contrapartida, em trajetos rodoviários, esses números aumentam para 9.6 km/l (etanol) e 13.7 km/l (gasolina).

Por outro lado, nas versões RS 1.2 Turbo e Premier 1.2 Turbo, o Chevrolet Tracker 2025 é equipado com o Motor: 1.2 Turbo Flex. Com três cilindros em linha, 12 válvulas e uma cilindrada de 1.200 cm³, este modelo oferece uma potência máxima de 133 cv (E) e 132 cv (G) a 5.500 rpm, juntamente com um torque máximo de 21.4 kgf.m (E) e 19.4 kgf.m (G) a 2.000 rpm. Sua velocidade máxima também é de 198 km/h e possui uma transmissão automática de 6 velocidades, com a opção adicional de troca manual de marchas.

Conforme dados fornecidos pelo Inmetro, o Chevrolet Tracker equipado com esse conjunto mecânico demonstra eficiência em consumo de combustível. Na cidade, registra médias de 7.2 km/l (etanol) e 10.4 km/l (gasolina), enquanto em estradas, esses números sobem para 9.2 km/l (etanol) e 13.2 km/l (gasolina).

Toyota Corolla Cross

O Toyota Corolla Cross 2025 está agora disponível nas concessionárias, mantendo as mesmas duas opções de motorização da linha anterior. No entanto, houve uma recalibração para torná-los mais eficientes em termos de consumo de combustível e para reduzir as emissões.

As versões básicas vêm equipadas com um motor flex de 2.0 litros, que produz 169 cv com gasolina e 177 cv com etanol, além de 21,3 kgfm de torque. Estas versões são acompanhadas por uma transmissão CVT de 10 marchas.

De acordo com informações do Inmetro, o Toyota Corolla Cross 2025 tornou-se mais econômico, atingindo 8,2 km/l na cidade e 9,3 km/l na estrada com etanol, e 11,6 km/l e 13,3 km/l com gasolina.

Por outro lado, as versões híbridas do SUV apresentam um motor de 1.8 litros, gerando 98 cv com gasolina e 101 cv com etanol, a 5.200 rpm, e 14,5 kgfm de torque a 3.600 rpm. Este motor é combinado com dois motores elétricos, resultando em uma potência total combinada de 122 cv e 16,6 kgfm de torque.

Este conjunto também foi aprimorado em eficiência, alcançando 12,5 km/l na cidade e 10,1 km/l na estrada com etanol, bem como 17,7 km/l na cidade e 14,6 km/l na estrada com gasolina.

Confira outras notícias sobre os Carros mais Vendidos, além de comparativos, avaliações e novidades para o público PcD no Fipe carros.

Josean Santos

Josean Belo dos Santos é um estudante de jornalismo e graduado em História pela UFPI. Ele possui ampla experiência no setor automotivo, iniciando sua trajetória em 2008. Além disso, atuou como colaborador em alguns dos principais sites do Brasil.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo